Intercâmbio: I can do it!



26.07.2016


enhanced-buzz-13288-1381160313-11

Hey, leitores! Sou nova aqui e como estreia, vim compartilhar com vocês uma das minhas mais recentes angústias: O INTERCÂMBIO!

Em 2016 tomei uma importante decisão: Morar um tempo fora. Muito tem se falado sobre a minha “coragem”, mas o que as pessoas não sabem, e talvez nunca saibam, é que eu não vou deixar a minha vida aqui. Eu vou construir uma.

Percebi que o mundo adulto tem dificuldade em entender isso. Ser jovem, saudável, boa aparência, emprego fixo e ensino superior completo são virtudes no curriculum vitae e não atestado de uma vida bem sucedida. Status social não é satisfação pessoal.

E é por isso que eu vou deixar essa vida de cumprir metas. A meta da Universidade Federal, do concurso público, do carro, do apartamento… Meus sonhos são maiores. Quero sentir a insegurança de entrar num avião sem saber se meu inglês será suficiente para pedir um x-burguer com batata frita no MC Donald’s. Sentar em um parque qualquer, rodeada por gente esquisita e me encher de alegria por estar vivendo tanta história nova para contar.

Quero abrir os meus olhos, minha mente, conhecer a cultura de gente que não faz ideia do lugar que eu vim. Quero xingá-los em português e amá-los em todas as línguas. Puxar o que está escrito “push”, cumprimentar as pessoas com beijos e perceber que isso foi too much!

Eu quero essas pequenas coisas, afinal de contas a felicidade é simples. Chegou o meu tempo de descobrir isso. Não importa se eu vou chorar, se eu vou me arrepender por alguns minutos, se não vai ser como eu espero. Não importa se eu vou trocar fraldas, ouvir reclamação, passar perrengue, trabalhar de ressaca. Não importa quantos “você não precisa disso” eu vou ouvir até chegar lá. Porque ninguém sabe da sua vida, do que você sente, do tamanho dos seus sonhos.

Quero viver a loucura de ser alguém fora de uma bolha.

Eu posso. Você pode.

Escrito por:
Equipe

2 comentários

  • Ana Caroline

    15 de agosto de 2016

    NOSSA! Me encheu de empolgação, quero muito ir ano que vem, e suas palavras foram motivacionais! Parabéns pelo blog. Já estou virando sua leitora. bjs

    Responder
    • Júlia

      Júlia

      26 de setembro de 2016

      Obrigada pelo carinho Ana!! Mil beijos pra ti <3

      Responder

Deixe uma resposta